morte

. Envio essa crônica de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, horas antes de tomar um ônibus para Vallegrande, situada a 260 km. de distância daqui. Foi lá perto, na quebrada del Yuro, nos arredores do povoado de La Higuera, que o exército boliviano, com assessoria norte...

Detalhes

.Era um dom. Alguns nascem com vocação para tocar piano ou violão. Outros, para ticar peixe, descascar tucumã ou dançar debaixo do boi. Tia Ernestina, conhecida na família como Dindinha, nasceu com um dom extraordinário. Ela era capaz de sentir o cheiro da morte. Sabia ...

Detalhes

.Rose abriu a porta do banheiro. Viu, lá dentro, uma cena espantosa e desgarradora, similar aquela do filme “Psicose”, de Hitchcock. Chocada, deixou a escova de dentes cair no chão e saiu correndo, de beibedol, pelo bairro, com uma cara de pavor. Seu grito, escandalosam...

Detalhes

Lá no sertão da Paraíba, a morte é do sexo feminino e se chama Caetana, escreveu Ariano Suassuna: - Aliás, o único jeito de eu aceitar essa maldita é se ela vier como uma mulher bonita e carinhosa. Ela veio. Recentemente. Levou o próprio Ariano e outras pessoas, tudo ge...

Detalhes