Pará

.Os empresários paraenses, reunidos num almoço no Clube de Lojistas (CDL) de Belém, devoravam gulosamente uma maniçoba completa, com folha de maniva, charque, toucinho, mocotó, costela, paio, chouriço, orelha e rabo de porco. Quem se encontrava no meio deles, enchendo t...

Detalhes

 Essa foi a vaia mais estrondosa e demorada de toda a história da Amazônia. Começou no dia 4 de abril de 1654, em São Luís do Maranhão, com a conjugação do verbo furtar, e continuou ressoando em Belém, num auditório da Universidade Federal do Pará, na última quinta-feir...

Detalhes